Cards Against Humanity: o jogo mais engraçado (e maldoso) do mundo

cards against humanity 1

Desde que passamos a colecionar jogos de tabuleiro (e cartas), o Cards Against Humanity era o que eu mais desejava. Por ser um jogo simples de cartas, o preço não é dos mais assustadores. Pelo contrário. Nos EUA, seu país de origem, o jogo básico custa US$ 25, um valor bem razoável que se tornava absurdamente revoltante feita a conversão e calculado o frete. Como ele nunca foi trazido por nenhuma publisher para o Brasil, a gente acabava priorizando jogos que tivessem um custo-benefício mais interessante. Eis que surge a oportunidade: ele estava sendo leiloado na Ludopedia por um preço razoável, e decidimos adquiri-lo, finalmente.

Por sorte, ninguém mais se interessou, e o preço inicial se manteve. Assim que a compra foi efetuada, percebi, no entanto, um detalhe: o jogo era uma versão canadense. Imaginei um monte de cartas que não fariam sentido algum, porque, se comparadas, a cultura norte-americana é muito mais familiar para a gente que a canadense. Pesquisando um pouco descobri que as diferenças eram poucas se considerada a quantidade total de cartas do jogo (e depois confirmei que são mesmo), e passamos a aguardar a entrega via sedex ansiosamente, já para estrear o jogo no fim de semana próximo.

Trata-se de um party game que consiste de dois decks de cartas, um com 460 cartas brancas e outro com 90 cartas pretas. Jogam a partir de quatro pessoas, e uma partida dura de 30 minutos a duas horas. Em sistema de rodízio, cada jogador, uma vez por turno, escolhe aleatoriamente uma carta do deck preto. A carta vai conter uma pergunta ou uma afirmação com uma lacuna. A pergunta ou lacuna deve ser respondida/preenchida pelas cartas do deck branco, que serão escolhidas pelos outros jogadores dentre dez cartas fechadas que cada um recebe no início da partida. A ideia é responder às perguntas ou preencher as lacunas de maneira engraçada e/ou chocante, já que o jogador que tirou a carta preta (pergunta ou lacuna) deverá escolher a melhor opção. Quanto mais polêmico ou cômico se for, normalmente, maiores as chances de ser escolhido. E, claro, a resposta precisa fazer sentido. Ou não, afinal os critérios de escolha são muito pessoais e podem variar de grupo para grupo.

cards against humanity 4

cards against humanity 2cards against humanity 3

Fato é que o jogo é muito, mas muito divertido, e rende boas risadas. É perfeito para grupos grandes, mas funciona bem em grupos pequenos também, e é possível jogar várias partidas seguidas, ainda que, com o tempo, a familiaridade com as cartas torne o jogo um pouco previsível, o que o faz perder um pouco da graça. O ideal é ir acrescentando cartas das expansões disponíveis. Atualmente existem 18 expansões, que variam de US$ 5 a US$ 20, e podem ser temáticas ou não. Uma das expansões vem com cartas em branco para que os próprios jogadores possam criar cartas. Genial, não? Existe ainda a possibilidade de baixar gratuitamente o jogo no site oficial e imprimir no papel que seu bolso permitir. Já aviso de antemão que isso pode ser caro caso você escolha fazer o serviço em uma gráfica com um papel decente que vá durar um tempo.

cards against humanity 5cards against humanity 6

É interessante também perceber como a dinâmica do jogo muda conforme os grupos variam. Cada grupo funciona de uma maneira, e as respostas podem dizer muito sobre as pessoas. Se você tiver a oportunidade de adquirir esse jogo por um preço justo, o faça. A não ser que você tenha um senso de humor estranho ou seja o rei da correção política. Ah, e, claro, é necessário ter bom conhecimento de inglês para jogar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s