Cardápio da semana #3

cardápio da semana 3

A geladeira de casa é grande para duas pessoas, e mesmo assim, o congelador atingiu sua capacidade máxima essa semana. Por isso, resolvi deixar os desejos de lado e aproveitar o que estava lá. Assim surgiu o cardápio dessa semana. Ele está cheio de proteínas, porque havia muitas delas no congelador, mas devo compensar com uma semana menos carnívora depois. Na geladeira também tem coisas que eu pretendia usar na semana passada e não consegui. Por exemplo, tinha planejado uma sopa de mandioquinha com shiitake, mas como não fez frio como eu tinha imaginado que faria, acabei não fazendo. É importante evitar desperdícios, dando novos usos para ingredientes ou sobras, assim como é importante fazer coisas que combinem com a ocasião e o clima, para não correr o risco de não ter vontade de comer o que tem na geladeira e acabar pedindo uma pizza. Todas as receitas rendem 8 porções.

A receita da salada de repolho, cenoura e cebola aparece apenas uma vez e serve para as duas primeiras receitas.

ARROZ INTEGRAL + FEIJÃO + BIFE DE CONTRA FILÉ + VAGEM REFOGADA + SALADA DE REPOLHO, CENOURA E CEBOLA

cardápio da semana 3.4

Ingredientes

2 xícaras de arroz integral

5 xícaras de água para cozinhar o arroz

500g de feijão carioca

2 litros de água para deixar o feijão de molho e cozinhá-lo

100g de bacon em cubos

15 dentes de alho

4 cebolas grandes

2 folhas de louro

8 bifes de contra-filé de um dedo de espessura

600g de vagem macarrão (2 bandejas)

4 colheres (sopa) de óleo vegetal

1 repolho verde em tirinhas finas

2 cenouras raladas

4 colheres (sopa) de maionese

½ xícara (chá) de vinagre de vinho branco

½ xícara (chá) de azeite de oliva

Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo

Deixe o feijão de molho no dia anterior. Eu nunca medi a quantidade de água necessária, mas acho que deve ser aproximadamente 2 litros para 500g de feijão. Se você preferir fazer 1kg para congelar metade, também é possível. Muita gente acha que o feijão congelado perde o sabor, e de fato ele não fica a mesma coisa. Mas esse tempero vai deixar o feijão bem saboroso e a praticidade de congelar, para mim, compensa a perda de sabor. Deixar o feijão de molho faz com que ele cozinhe muito mais rápido e como a água cozinha o grão por dentro, ele fica mais macio.

Coloque o feijão com a água onde ele ficou de molho na panela de pressão. Junte 3 dentes de alho (não precisa picar, dar uma amassada com as costas da faca é suficiente), uma cebola cortada em quartos, o couro do pedaço do bacon que vamos usar, as folhas de louro, um pouco de sal e pimenta do reino. A água deve cobrir o feijão e deixar uma sobra de mais ou menos 2 dedos. Se necessário, coloque mais água. Tampe a panela e deixe em fogo alto até que o vapor que sai pela válvula esteja fazendo barulho. Nesse ponto, diminua o fogo e deixe por 10 minutos. Depois que apagar o fogo, deixe todo o vapor sair antes de abrir a panela. Siga sempre as instruções do fabricante para usar a panela de pressão.

Frite o bacon em sua própria gordura, em fogo baixo, numa panela pequena. Quando ele estiver bem frito, junte 5 dentes de alho picado e deixe dourar. Junte uma cebola picada e deixe fritar em fogo médio até que ela fique translúcida. Coloque o refogado na panela do feijão. Corrija sal e pimenta do reino. Tampe a panela apenas colocando-a por cima, sem fechá-la e coloque o fogo no mínimo. Cozinhe por cerca de meia hora, ou até que o feijão esteja no ponto de preferência. Eu vou provando até que o feijão esteja bem macio e o caldo, mais grosso. Caso o caldo não engrosse naturalmente, eu gosto de esmagar alguns grãos de feijão com as costas de uma escumadeira. Isso ajuda o caldo a engrossar. Quando o feijão estiver pronto, tire o couro do bacon, a cebola e o alho do cozimento (aqueles que foram colocados para cozinhar com o feijão na panela de pressão, em pedaços grandes) e as folhas de louro.

Enquanto o feijão cozinha, faça o arroz. Eu não coloco nenhum tempero no arroz, porque o feijão já é bem temperado, mas você pode refogá-lo com alho e cebola, se preferir, ou colocar sal. Coloque o arroz e a água numa panela em fogo alto e quando a água secar, abaixe o fogo e tampe a panela. Cozinhe por cerca de dez minutos.

Enquanto o arroz e o feijão cozinham, faça a vagem e a salada. Para a vagem, refogue em 2 colheres (sopa) de óleo vegetal 3 dentes de alho picados e uma cebola em meias-luas bem finas rapidamente. Coloque a vagem cortada em três, tempere com sal e pimenta do reino, abaixe o fogo e tampe. Cozinhe até que ela esteja ainda firme, mas não crocante. A cebola vai caramelizar. Se você não gostar da cebola caramelizada, coloque-a 5 minutos depois de colocar a vagem.

cardápio da semana 3.1

Para a salada (que vai durar a semana inteira), corte a cebola em meias luas bem finas e deixe-a de molho em água por dez minutos para que não fique tão ardida. Escorra a cebola e junte-a ao repolho e à cenoura ralada. Misture, separadamente, sal, pimenta do reino, vinagre, azeite e maionese. Junte o molho à salada e misture bem.

cardápio da semana 3.3

Tempere os bifes de contra-filé com sal e pimenta do reino a gosto, dos dois lados. Frite-os em 2 colheres de óleo.

cardápio da semana 3.2

SALMÃO GRELHADO + ARROZ JAPONÊS + SHIITAKE NA MANTEIGA E SHOYU + SALADA DE REPOLHO, CENOURA E CEBOLA

cardápio da semana 3.7

Ingredientes

1 filé de salmão de aproximadamente 1kg com pele

2 colheres (sopa) de azeite de oliva

2 xícaras de arroz japonês

3 xícaras de água

600g de shiitake (4 bandejas)

1 colher (sopa) de manteiga

6 colheres (sopa) de shoyu

4 colheres (sopa) de mirim

Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo

Lave o arroz até que a água saia limpa. Deixe-o de molho por meia hora na panela onde será cozido. Eu uso uma panela elétrica japonesa, que tem as medidas de arroz e água, então eu não sei a proporção que uso. Se você for fazer no fogão, use 2 xícaras (chá) de água. Depois do molho, na panela elétrica é só ligar e deixar ela fazer o trabalho. No fogão, acenda o fogo alto e deixe a panela semi-tampada até que o arroz seque, ou seja, até que a água não seja mais visível. Tampe a panela completamente e deixe por mais uns 5 minutos. Experimente para ver se ele está bem macio e grudentinho. Eu não tempero, mas você pode colocar sal.

Peça para o seu peixeiro tirar as espinhas e escamas do peixe, mas deixar a pele. Se você mesmo tiver que limpar o salmão, use uma pinça para tirar as espinhas (existem pinças especiais para cozinha, mas uma normal funciona) e uma faca para raspar a pele e tirar as escamas. No final do processo, passe a pele por água corrente para se livrar de qualquer escama que tenha ficado para trás. Corte o filé em 8 pedaços. Os últimos ficarão mais finos, mas é só cozinha-los por menos tempo. Eles serão tão gostosos quanto os mais grossos. Tempere-os com sal e pimenta do reino dos dois lados. Jogue um fio de azeite de cada lado e espalhe com os dedos. Aqueça a frigideira e frite o salmão, com a pele virada para baixo. Quando a pele estiver crocante, cerca de 3 minutos depois, vire o peixe com cuidado para não quebrar. Deixe mais cerca de 3 minutos, em fogo baixo, para os pedaços mais grossos e 1 minuto para os mais finos. O salmão deve estar com a carne macia e suculenta, e ele deve quebrar com facilidade. Peixe bem passado é muito ruim, por isso tome cuidado para que ele não passe do ponto.

cardápio da semana 3.6

Lave os shiitakes rapidamente para que eles não absorvam muita água. Há quem prefira passar apenas uma escova, mas eu acho que uma água rápida não estraga os cogumelos. Corte-os em tiras. Aqueça a manteiga numa frigideira funda e salteie os cogumelos até que estejam mais macios. Junte o shoyu e o mirim e cozinhe até que estejam cozidos (macios e reduzidos).

cardápio da semana 3.5

SOBRECOXA DE FRANGO ASSADA + PURÊ DE MANDIOQUINHA + COUVE-FLOR A DORÊ + SALADA DE ALFACE CRESPA, AGRIÃO, TOMATE E PEPINO

cardápio da semana 3.11

Ingredientes

8 sobrecoxas de frango com osso e pele

2 colheres (sopa) de alecrim

8 mandioquinhas

Água para cozinhar as mandioquinhas

2 xícaras (chá) de leite (usei o desnatado)

1 colher (sopa) de azeite de oliva

4 couves-flores em floretes

3 ovos

½ litro de óleo vegetal

Alface crespa, agrião, tomate débora ou italiano e pepino

Shoyu, suco de limão e azeite de oliva a gosto para temperar a salada

Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo

Tempere as sobrecoxas de frango com alecrim, sal e pimenta do reino. Leve-as ao forno preaquecido em 180 graus, com a pele virada para baixo, cobertas com papel alumínio (com a parte brilhante virada para dentro), por cerca de 30 minutos. Tire o papel alumínio, vire as sobrecoxas para deixar a pele para cima e deixe cozinhando por mais cerca de 15 minutos. Ligue o grill e deixe por mais 5 minutos. Se você não tiver grill, deixe um total de 20 minutos depois que virar o frango, ou até que a pele esteja dourada.

cardápio da semana 3.10

Enquanto o frango está assando, cozinhe as mandioquinhas. Descasque-as, corte-as em pedaços grandes e leve-as ao fogo em água o suficiente para cobri-las. Tampe a panela e cozinhe por cerca de 30 minutos depois que levantar fervura. De vez em quando, espete uma mandioquinha com uma faca. Se ela não oferecer nenhuma resistência e a faca penetrar facilmente, elas já estão boas. Amasse as mandioquinha, junte o leite e o azeite e tempere com sal e pimenta do reino. Você pode colocar mais leite caso o purê esteja grosso, até que ele adquira a consistência desejada. Meu espremedor deixa uns grumos, que eu gosto no purê de batata, mas o de mandioquinha eu prefiro que tenha uma textura mais lisa. Por isso, passo o purê no mixer para desfazer os grumos e depois aqueço na própria panela.

cardápio da semana 3.8

Aqueça o óleo numa frigideira funda. Bata os ovos com uma pitada de sal. Passe os floretes de couve-flor pelos ovos. Frite os floretes no óleo bem quente. Se você não tiver termômetro (eu não tenho), pegue um pingo de ovo e jogue no óleo. Se espumar é porque ele já está quente o suficiente. Não coloque muitos floretes de uma vez para o óleo manter a temperatura quente. Escorra o excesso em papel toalha.

cardápio da semana 3.9

Rasgue as folhas de alface e agrião, junte o pepino em cubos e tomate em oitavos e tempere com o shoyu, o suco de limão e o azeite a gosto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s